domingo, 10 de outubro de 2010

N°15 - Recaída?


10 de outubro de 2010.

                Hoje  foi mágico, Ela  veio  a meu encontro, tenho que dizer que ficamos hora ali  olhando uma para o outro, feito  bobos, apenas aquilo era  necessário, nada de  beijo e pegasão  apenas  um  grande e forte abraço nos balançamos na rede, trocamos cafunés,  e por mais que não estávamos entendendo  nada do que ali acontecia, deixamos  nos  levar pelo momento, posso  procurar em   todo o  universo, mais nada se compara  estar perto dela, a  grande  tristeza que ontem,  foi  compensada  com  a  presença  DELA, sabe quando você esta  triste ao ponto  de  não querer em  sair de casa, olha pra todos  os lados e a única vontade e que   olha-se pra janela  e a visse? Pois  foi exatamente o que aconteceu, quando menos espero  ela  aparece  e como eu já disse faz da minha tarde  um  planeta  de cores, tão bonito e tão mágico  que  palavras não vão conseguir explicar.
                 Deixamos nos levar de mais, e quando  nos  demos conta  já estávamos de novo  nos beijando, mais  não como  da ultima vez,  não  com um sentimento de partida, uma coisa   que a muito tempo  não  avia sentindo  com  o mesmo  amor  que  sempre senti, com  um  calor, nossa tão bom  que  só  de lembrar, já me da saudade.
                 Mas  como ELA  mesmo diz  quando estamos juntos o tempo voa,comprovei isso  ao me dar conta que  La se  tinha ido uma tarde em  poucos minutos, em  poucos  abraços  e em  um  beijo, tempo? Esse  sim  e um  grande inimigo da gente, espero que ele  um  dia me ajude  de alguma forma, embalados em  muitos “te amo” nos despedir-mos  sem saber  com seria  de agora pra frente  se  tudo  aquilo que tinha acontecido  nessa tarde mágica era  uma prova que ainda   temos chance de  dar certo  ou  era apenas uma forma d aliviar uma coisa  que  por mais que agente tente  não sabemos se um dia  vamos  poder  viver felizes. E assim terminamos m ias um dia de muitos  dias sem ELA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário