domingo, 6 de novembro de 2011

N° 63 - Confusão


De uma forma ou de outra a vida e feita de repetições, sendo elas boas ou não, um dia algo sempre se repete, burrice minha achar que comigo, logo comigo que a vida usaria de outra forma.
             Erros cometidos o impulso em tentar de alguma forma amenizar algo desnecessário acabamos dando dimensões muito maiores a essas mesmas coisas, isso mais uma vez afirmo quem nem necessitavam tamanha preocupação, mas pessoas são diferentes umas das outras e essa diferença e nos faz construir historias e momentos, e nessas diferenças que às vezes nos perdemos, e prejudicamos uns aos outros, e onde como já dizem por ai colocamos “a carroça na frente dos burros”, e deixamos que a vontade fale mais alto que a razão, deixamos de lado oque e sensato para alimentar um ego que sempre te atrapalhou, que sempre te prejudicou e leva você a fazer coisas e buscar lugares  de certas forma “errados” que em poucas palavras te leva a errar.
             Consequências que machucam que doem que afastam e magoam pessoas não só importantes mais indispensáveis para nossa felicidade, isso me leva a me perguntar se minha vida e uma vida sozinha, sem grandes mudanças e uma barreira que eu próprio crio para pessoas que amo, e isso que como muitas vezes volta a me preocupar por fazer que mais uma vez vou ser duramente punido por erros cometidos, vou perder a confiança de pessoas que amo, se não o amor  das mesmas.
            Solucionar algo pessoal e difícil, depender de visões e pensamentos de outras pessoas e complicado, mais uma vez voltamos a sentir o peso da divergência de pensamentos e preconceitos que temos e fazemos das pessoas, achar que conhecemos a pessoas e fácil difícil mesmo e tornar isso verdade. Ainda vou mais além, será que sei diferenciar um “amor” de um amigo, será que essa sempre não foi o que me uni e me repele das pessoas? Será que o que jugo ser verdade e verdade para outras pessoas, ou tudo isso e uma mera bobagem que insisto em discutir. E pessoal, amigos, camarada e leitores desde já peço desculpa pela confusão afinal essa e a minha real situação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário